Entregue a mergulhos em universos próprios, Pedro Moraleida criou obras biográficas, compartilhando com o público aquilo suas perturbações, dentro e fora de si. Parte desse acervo pode ser visto na mostra Fluxos Plenos de Desejo, com curadoria de Ricardo Resende, até o dia 26 de maio, na Janaina Torres Galeria, em São Paulo. A mostra traz 25 pinturas, 61 desenhos e 16 desenhos/pinturas, combinando formatos, técnicas e materiais. "Nesta seleção, além de obras conhecidas, polêmicas, incluímos também alguns trabalhos pouco vistos, revelando outras características da sua produção", comenta Ricardo. Entre os destaques da mostra estão obras em que Pedro faz referência a outros artistas, compartilhando com o público sua admiração a Andy Warhol, Leonilson, Picasso, Caravaggio, Miró e Arthur Bispo do Rosário. Assim como para Leonilson e Bispo do Rosário, a palavra para Moraleida tem papel importante no seu trabalho plástico, uma consequência da sua relação próxima com a literatura, poesia, filosofia, psicanálise e cinema, o que acabou por aproximá-lo de questões urbanas, políticas e sociais do seu tempo. Serviço - Fluxos Plenos de Desejo Até 26 de maio de 2022 Janaina Torres Galeria - Rua Vitorino Carmilo, 427 - Barra Funda, São Paulo | Horário: terça a sexta das 10h às 18h, sábados das 10 às 17h

Fluxos Plenos de Desejo